Home   Edições impressas   Cursos e Eventos   Todos os artigos  
Boletins   Anuncie   Quer colaborar?   Dúvidas técnicas  

Você está aqui: Home » DVDs e pendrives » Descrição de mídia

Capa da Revista PnP nº 1

Preço:
Desconto de 20,0%:
de R$ 40,00 por
R$ 32,00

(Dica?)
Dados da Publicação
Autor: Iberê M. Campos
e equipe
Editora: Thecnica Sistemas
Distribuição: Nos sites da Revista PnP ou da Thecnica Sistemas
Formato: 1 DVD
Publicada: Maio/18

Diversos pacotes com desconto
para completar sua coleção!


ATENÇÃO: Este DVD é indicado para máquinas antigas. Para micros mais modernos, conheça a versão em pendrive desta distribuição, exclusividade da Thecnica Sistemas, que pode ser usada em micros sem leitor de DVD e que vem com mais 3 versões: Lubuntu, Xubuntu e Kubuntu, podendo escolher no boot qual deles utilizar.

A versão 18.04 LTS do Ubuntu Linux, como de costume, trouxe novos recursos e características. Esta é uma versão do tipo LTS, ou seja, “Long Term Support” ou “Suporte de Longo Prazo”. Esta nomenclatura decorre do fato do Ubuntu Linux ser atualizado regularmente a cada 6 meses, quando é equipado com as versões mais recentes dos softwares disponíveis no momento, mas somente as versões LTS, que saem a cada 24 meses, é que recebem suporte e atualização gratuita por 5 anos. As demais versões (que não são LTS) são indicadas para os entusiastas e testadores, que desejam ter sempre o mais atual em suas máquinas e não necessariamente o mais seguro e estável, para quem as versões LTS são as mais recomendadas. Por isso, sempre que sai uma versão LTS é tempo de nos mexermos e atualizar os computadores para manter os sistemas em ordem, visto que o Ubuntu já conseguiu seu lugar ao sol e hoje é parte importante da infraestrutura de TI de várias empresas e, principalmente, de ONGs e outras organizações de objetivo social.

Os diversos “sabores” do Ubuntu Linux e suas finalidades

Como todo sistema operacional, o Ubuntu tem um núcleo básico e os programas complementares, que são escolhidos em função de determinada finalidade e que vão formando, assim, as diversas versões. É a mesma coisa que acontece com o Windows, que além da versão numérica (Windows 7, 8, 10, etc.) ainda tem as várias edições (Professional, Starter, Server, etc.). Além das diversas versões montadas pela própria Canonical, produtora do Ubuntu, ainda existem várias outras edições feitas por outras empresas. No caso do Ubuntu os diversos sabores são estes:

  • Ubuntu Server - Funciona sem interface gráfica, que pode ser instalada opcionalmente. É um verdadeiro cavalo de batalha, mesmo usando hardware antigo fornece excelente soluções empresariais para Cloud, servidor de sites, servidor de email, firewall e várias outras funcionalidades. Concorrente direto e absolutamente gratuito das soluções SERVER da Microsoft.
  • Ubuntu Desktop - Agora disponível apenas em 64 bits, é o concorrente direto do Windows para desktop. Na instalação padrão já vem com tudo o que usa um pequeno escritório, com suíte de escritório (LibreOffice), navegação de internet e tudo o mais.
  • Kubuntu - Variação do Ubuntu Desktop, usando o ambiente gráfica KDE Plasma no lugar do Gnome padrão. É um sistema bonito e funcional para uso doméstico e corporativo.
  • Lubuntu - Versão mais leve, rápida e moderna do ubuntu, usando ambiente gráfico LXQt. Roda muito bem em micros antigos e é um grande candidato para substituir o Windows XP e as versões anteriores.
  • Xubuntu - Sistema operacional completo, elegante e fácil de usar. Vem com a interface Xfce, que é estável, leve e altamente configurável.
  • Ubuntu Studio - Sistema de criação multimídia, com diversos programas para áudio, vídeo e fotografias, tanto para o entusiasta quanto para os profissionais.

Existem outras variações, que podem ser vistas na página de derivações do Ubuntu Linux.

Veja também nosso artigo que contém mais detalhes do Ubuntu 18.04 LTS.

Detalhes desta mídia

Este DVD é cópia fiel da mídia do Ubuntu Linux distribuída pela Canonical, produtora do Ubuntu. O DVD é bootável e do tipo “LiveDVD”, ou seja, quando o micro inicializar pelo DVD o Ubuntu rodará direto desta mídia, completo e pronto para usar, totalmente funcional. Pode ser usada diretamente, com diversos programas como LibreOffice (compatível com o MS-Office), browser Firefox, gerenciador de arquivos (compatível com o NTFS do Windows), Diskpart (para lidar com partições) e vários outros. Em geral, a maior parte do hardware é identificado, e neste caso basta instalar o sistema no HD, caso queira, ou usar direto do pendrive numa manutenção ou verificação de equipamento. Se algum dispositivo de hardware não funcionar (rede, som, etc.) então experimente alguma das outras versões, até achar a que melhor se adapta ao equipamento em uso.

A versão presente no DVD é para rodar numa máquina de trabalho (desktop) mas nada impede que seja configuradas como servidor. Basta instalar a função desejada a partir do repositório da Canonical. É simples adicionar funções como servidor de arquivos (inclusive para Windows), firewall e roteador, servidor de impressão, servidor DNS, servidor DHCP, e até outras mais sofisticadas como autenticação de usuários Windows simulando um servidor Windows instalado em modo de controlador de domínio. A diferença para a versão Server é que nesta estas funções podem ser instaladas logo de saída, enquanto que nas versões desktop elas são instaladas posteriormente. Apesar da sobrecarga trazida pelo ambiente gráfico (ausente na versão Server) as máquinas atuais sofrem pouco porque as interfaces utilizadas são leves e, pelo labo bom, ajudam bastante a administrar o sistema, principalmente para quem não tem lá muita prática com as configurações do Linux.


COMENTÁRIOS
Nossos leitores já fizeram 3 comentários sobre esta edição:
De: Alves (em 28/08/2015 - 21:34)
Principiante em Linux
Irei testar ma minha maquina, espero que me apaixone pelo Ubuntu.
De: IMCampos (moderador) (em 01/12/2014 - 09:12)
Esta versão é de 32 bits multilingue
Sim, esta versão tem suporte total ao portugues brasileiro (PT-BR). Mas a versão que está descrita aqui é de 32 bits. Existe a de 64 bits, mas a única diferença é que ela vai acessar mais de 4 GB de memória. Como o Linux utiliza pouca memória RAM, na maior parte dos casos a versão de 32 bits (que é mostrada aqui) vai atender à maior parte dos casos. Apesar de ser versão de 32 bits, esta versão roda também em processadores de 64 bits, sem problema algum.
De: jandrade (em 29/11/2014 - 09:33)
lingua
O ubuntu 14.04 esta no bom português?! Outra pergunta: posso usa-lo em sistema de 64bits?
Comente você também:

Tel (11) 3483-9868
Fax (11) 2368-4666
Email: contato@luzes.org
  • Por favor entre em contato para qualquer dúvida, imprecisão do conteúdo ou informação indevidamente divulgada.
  • Os artigos e demais informações assinadas são de integral responsabilidade de seus autores.
  • O conteúdo deste site está protegido pelo Acordo Internacional da Creative Commons.
  • Os produtos e serviços de terceiros aqui divulgados são de inteira responsabilidade de seus anunciantes.
  • Nosso nome, logomarca e demais sinalizações estão protegidas na forma da lei.